Tim Maia no cinema

“O cinema brasileiro tem uma dívida insolvível com a música popular. Desde os musicais carnavalescos dos anos 1930 estrelados por Carmen Miranda, a relação entre um e outra tem sido no mais das vezes parasitária, para não dizer vampiresca. A cada “tributo” prestado pelo cinema aos grandes nomes da música, a dívida parece aumentar, em vez de diminuir.

Tudo isso para dizer que Tim Maia, de Mauro Lima, saiu melhor que a encomenda. É um dos poucos casos, a meu ver, em que o cinema conseguiu captar e reverberar a potência da arte de seu personagem.”

http://outraspalavras.net/destaques/a-construcao-de-tim-maia-no-cinema/

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s