No pé e na Boca!

Existem cidades que abrem minha alma. Outras, fecham.
Aqui no Brasil, o Rio abre minha alma, lava meus olhos!
Ô cidade bonita!
Eu sinto a alegria no ar. Gozado, né?
Sou doida pra morar no Rio.
Mas o povo daqui de casa, não se anima não.
Mas o João Vitor, que também adora o Rio, já me prometeu que, quando ele for rico, ele vai comprar “uma casa” pra gente no Rio. Já até andou dando uma olhada nos preços.. Deve ser logo, né não???

São Paulo me fecha a alma.
É cinza… Do chão ao teto…
E é abafada. Me dá essa sensação.
Gosto de São Paulo não…

Fora do Brasil, a cidade do México, me dá a mesma sensação de São Paulo.
Me tranca a alma.
Abafada… Cinza…

Buenos Aires, é mesmo buenos aires…
Cidade gostosa!
É como o Rio, pra mim.
Já fui algumas vezes a Buenos Aires e cada vez me encanto mais com a cidade!
Se eu fosse rica, eu ia, pelo menos, uma vez por ano a Buenos Aires. Mas…

Semana passada eu estava vendo o jogo do Boca X River, porque eu assisto a futebol de tudo que é canto, de tudo que é campeonato, me lembrei de uma das minhas idas a Buenos Aires.
Quem não gosta de futebol, não conhece a torcida do Boca.
Mas quem gosta, conhece…
Os caras não param de cantar um minuto sequer, da hora em que chegam ao estádio, até a hora que eles vão embora, né não?
Chega a incomodar.
Nessa tal viagem a Buenos Aires, como eu adoro o Boca, eu fui conhecer o “La Bombonera”.
É quase uma cidade…
E tinha uma moça que guiava os visitantes. Explicando tudo. Toda a história do Boca, e tudo sobre o “La Bombonera”.
Eu fiquei impressionada com o que a moça nos contou.
Vejam só a competência dos torcedores do Boca.

Em cima de onde fica o vestiário do time visitante, aquele que vai jogar contra o Boca, é onde fica a torcida organizada.
O chão é de madeira.
Olha só, o quê que eles fazem!
Eles chegam lá, antes do time adversário, e se desesperam a pular e a gritar, sem parar.
Só param depois que o jogo termina.
Bom, se o estádio cabe quase 50.000 pessoas, perto disso é torcedor do Boca, né?
Já imaginaram o desespero do “visitante”, trocando de roupa, tentando se concentrar, tentaaaando escutar preleção “do professor”, com aquele pum, pum, pum, em cima da cabeça deles?
Se eu daqui de casa vendo o Boca jogar pela TV, já fico irritada só com a cantoria do povo, eu imagino esses jogadores com essa “pauleira” toda, heim?
Já devem entrar em campo “p” da vida… Querendo matar um…

Mas os torcedores do boca são danados… Sabem como desequilibrar o “inimigo”, só no pé e na “boca”, né não???

Da próxima vez que eu for a Buenos Aires, eu vou ao La Bombonera e vou ver o Boca jogar…

image

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s