Tão bom, tão bom, tão bom foi meu Natal!

(Blog da Nenena)

http://letras.mus.br/chico-buarque/1431571/

Todos os anos, desde que minha mãe e a minha tia Dida eram pequenininhas, o Natal é sempre comemorado na casa da minha bisa.
Eu não conheci minha tia Dida não. Quer dizer, ela nunca me carregou no colo, mas eu conheço minha tia, pelos retratos dela que tem na minha casa, na casa da vovó e na casa da minha bisa. Ela é muito bonita e eu gosto muito dela. Eu acho que ela ia ser uma tia muito legal! Todo mundo diz que ela era muito alegre e muito fofa!
Eu acho que é porque a tia Dida não está mais aqui, que minha vó não gosta mais do Natal. Eu acho que ela sente muuuuita falta da minha tia.
Mas esse ano minha vó não tava triste não. Ela brincou muito comigo…
O Natal na casa da minha bisa foi muito bom! Foi muito alegre!
Teve até papelzinho colorido que caía em cima da minha cabeça! Foi uma farra!

Na casa da minha bisa tem papaiel espalhado pela casa toda!!! De tudo que é jeito! Tem até um papaiel sapo! Eu acho ele muito engraçado!
Esse ano, na casa da bisa, teve um tal de amigo oculto. Eu e minha bisa não entramos na brincadeira não. Eu não entrei, porque ganhei presente de todo mundo, e minha bisa, porque gosta de dar presente pra todo mundo.
Eu acho os presentes da minha bisa muuuuito engraçados… Todos os anos ela dá a mesma coisa pra todo mundo. Uns envelopinhos. Não é engraçado? Envelopinho???
Eu num sei o quê que tem dentro dos envelopinhos não, mas deve ser uma coisa muuuito legal, porque todo mundo fica numa felicidade danada, quando abre o tal envelopinho.
Quando eu crescer um pouquinho, eu vou perguntar pra minha vó o quê que tem dentro desses envelopinhos…

Eu acho o Natal muito bonito. É tudo muito colorido!
Eu só não entendi ainda, porquê que a gente ganha tanto presente no Natal! Nem era meu aniversário, e eu ganhei um mooonte de coisa… Eu acho isso meio esquisito…
Mas minha vó me disse, que quando eu crescer um pouquinho, tudo pra minha vó é “quando eu crescer um pouquinho…”, ela vai me explicar direitinho esse história do Natal. Ela disse que vai me contar quem faz aniversário neste dia, e porquê as pessoas trocam presentes.
Ela me disse também, que vai me explicar porquê que existem lugares e casas, onde não se comemora o Natal.
Mas só quando eu crescer um pouquinho… Ai, ai… Essa minha vó….

Sabe o quê que eu queria mesmo?
Que todos os dias as pessoas ficassem assim, tão felizes como elas ficam no dia do Natal!
Podia ser Natal todos os dias, não podia não?

image

Anúncios

4 opiniões sobre “Tão bom, tão bom, tão bom foi meu Natal!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s