É só uma questão de semântica

Outro dia eu escrevi aqui que, duas coisas me incomodavam muito no tempo em que eu trabalhava fora.
Uma eram as reuniões. Só servem pra marcar a próxima.
A outra foi a tal da “chefia”.
Detestei a experiência.
Não que eu tivesse tido problemas com meus funcionários. De jeito nenhum. São todos, absolutamente todos, e não eram poucos, meus amigos até hoje.
O problema era o conceito de “chefia”. O meu era um, os dos meus superiores, outros.
E eu ficava danada da vida, quando tentavam me impor o cargo de “bedel”.
Tentavam… Mas nunca conseguiam… E era uma brigaiada danada nas benditas reuniões…

Ontem, eu estava dando uma olhada no Facebook, eu tenho lido pouco coisa. Ando cansada de tanto escândalo, de tanta denúncia, de tanta roubalheira, tanta falta de vergonha na cara, mas uma imagem me chamou a atenção.
Se eu ainda estivesse trabalhando, eu ia mandar ampliar, e pregar na porta da minha sala.
Eu acho que assim, o “povo” ia entender exatamente, o que eu entendo por chefia. E nunca mais “seu ninguém” ia me mandar vigiar funcionário…

image

Anúncios

Uma opinião sobre “É só uma questão de semântica

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s