Onde está “Gutavo”? (Blog da Nenena)

Meu “rimãozinho” é muito danado, sabiam?
Ele é muuuuito levado. Depois que aprendeu a engatinhar, meu Deus! A gente tem que correr atrás dele o tempo todo!
Meu vô apelidou o “Gutavo” de “polvo”. Engraçado, num é?
Mas ele parece um polvo mesmo. Se a gente coloca ele sentadinho numa cadeira ou no colo, ele sai “detonando” com tudo que vê pela frente. Se tiver alguma coisa em cima da mesa, ou por perto dele, ela passa a mão e joga tuuudo no chão. Parece que tem uns 10 bracinhos.

Tudo que eu pego pra brincar, ele quer. E quando eu vou tirar da mãozinha dele, ele estica os bracinhos e grita… Pode??? Mas eu já descobri um jeito de enganar ele. Eu agora faço assim. Quando ele se aproxima de mim pra pegar meu brinquedo, eu pego outro correndo e falo pra ele:
– toma, “Gutavo”! Esse é muuuuito mais legal!!!
Aí ele me deixa em paz…

Como ele já tá grandinho, não cabe mais no trocador. Minha vó, quando vai trocar a fralda ou a roupinha dele, coloca ele no futon. Sabem o que que ele faz? Sai pelado, engatinhando, correndo, fugindo da minha vó e morre de rir… Eu tenho que gritar, quando estou por perto: – volta aqui, Gutavo! A vovó tá trocando sua fralda!!!
É levado demaisss!!!

Semana passada ele passou a semana toda doentinho.
Eu fiquei com muita peninha dele. Todo mundo, né? Vovó se mudou de mala e cuia pra minha casa, pra ajudar minha mãe, que trabalha fora o dia todo, pra cuidar dele.
Mas nem doentinho, com febre alta, meu “rimãozinho” deixa de ser levado. Olha só o que que ele aprontou e quase matou minha mãe, meu pai e minha vó de susto.

Como minha mãe tinha que ficar medindo a febre dele pra não subir muito, ele foi dormir na cama dela. Entre ela e meu pai.
Numa dessas noites, minha vó estava dormindo na minha cama amarela, e eu estava dormindo com meu vô na casa dele. Alguém tinha que tomar conta do vovô, né???
De repente minha vó escuta um grito da minha mãe.
Sai minha vó tremendo dos pés à cabeça, correndo, e chega no quarto da minha mãe.
– que que houve, pelamordedeus?

Minha vó me disse que não acreditou no que que o “capetinha” do meu “rimãozinho” tinha aprontado.
Acordou, todo mundo dormindo, aí ele deve ter pensado: – ôba!!!! Vou cair fora!!!
Deve ter descido da cama de bundinha prá trás, que é como ele já sabe fazer, se sentou no chão, e foi brincar com o celular da minha mãe que estava carregando….
Meu pai acordou com o barulhinho, procurou Gutavo na cama e cadê o menino??? Levantou e foi até o lugar de onde vinha o barulhinho. Lá estava Gutavo, feliz da vida!
Acordou minha mãe: – Lu, o que que o Gutavo tá fazendo aqui?
Aí foi uma gritaria só da minha mãe!!! – Meu Deus! Cadê o Gutavo????
Já pensaram o que que meu “rimãozinho” vai aprontar quando ele crescer um pouquinho?

Minha vó me disse que, passado o susto, ela não conseguia dormir de tanto que ria, imaginando meu “rimãozinho” passando por cima da minha mãe, e descendo de bundinha pra trás, da cama….
Agora, minha vó só chama o Gutavo, de “ô minino fujão de cama, da vovó”!!!

Éééé!!! Eu acho que meu “rimãozinho” vai ser muuuito danado. E, o pior, vai me dar muuuuito trabalho!
Ai ai ai, ai ai!!!!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s